Quarta, 30 Agosto 2017 00:00

Fios de energia e de sinal de TV e internet no mesmo conduto do prédio, podem?

Escrito por 

É muito comum nas edificações que os gestores permitam passar fios de sinal (telefonia, TV a cabo e internet) no mesmo caminho dos fios das tomadas, medida que contraria norma técnica e oferece riscos.

Tenho uma linha de telefone em um lugar da sala, mas eu quero leva-lo para outro local. Você dirá, isto é fácil, compre um telefone com ramal ou com extensão sem fio e pronto. Outra situação: o modem está na sala do apartamento e quero me conectar no meu quarto. Outra opção fácil de resolver: Bastaria colocar um roteador WIFI e pronto! Pode ser também, mas e quando o problema for levar, por exemplo, o cabo da sua TV a cabo para seu quarto? Este ficou mais difícil certo? Pois é, é deste assunto que eu quero tratar, complementando o artigo anterior: Os fios que ficam soltos nos tetos dos prédios podem ser problema? .

Até agora demos exemplo de dentro de casa, mas vamos pensar no prédio em que você mora. Como chegar até seu apartamento com o cabo da TV a cabo, ou com o sistema de interfone, ou do telefone fixo e outros tantos sistemas que vão surgindo e que o prédio não estava preparado para receber?

O primeiro problema que essa situação cria está relacionada ao caminho, ao “trajeto” dos cabos, pois não é permitido instalar sistemas de energia (fios para as tomadas e iluminação) no mesmo conduto* de sinal de TV, internet etc. Esta é uma determinação da norma de instalações elétricas em baixa tensão (a ABNT NBR 5.410/2004) e, portanto, diz respeito a um caminho que não se pode usar!

Então, o que o síndico ou gestor do prédio pode fazer?

O correto é realizar uma reforma após a elaboração de um projeto, o qual possa contemplar separadamente os caminhos para a energia e os cabos de sinal. O projetista irá descobrir a melhor forma e o melhor caminho para estes circuitos e, então, a reforma proporcionará a ligação dos mesmos. Ele deverá ainda prever que no futuro poderá haver mais sistemas, os quais demandarão mais caminhos. Portanto, é interessante deixar um espaço maior neste projeto.

Relembrando: Não é permitido levar condutores com eletricidade de potência (os fios com 127/220 Volts) no mesmo caminho que os fios que levam os sinais para internet, TV a cabo etc. Há diversas soluções para contornar o problema, mesmo que ele esteja somente dentro do apartamento. O indicado é instalar condutos externos para os cabos de sinais. Há os tipos industriais, para ambientes mais descolados, ou os mais clássicos, que são conhecidos como calhas, fabricados em materiais plásticos ou metálicos, em diversas cores.

Aqui, fica uma exceção: Há sistemas externos que, atendendo às normas técnicas, podem incluir circuitos de sinal e eletricidade na mesma calha, desde que haja uma separação em distância que garantirá a segurança.

A sugestão que fica é: Procure um profissional habilitado para lhe ajudar.

*Definição de conduto: Caminho formado por eletrodutos ou conduítes, também conhecido como eletrocalhas ou qualquer outra forma de se acondicionar os fios.

Não reproduza o conteúdo sem autorização do Grupo Direcional. Este site está protegido pela Lei de Direitos Autorais. (Lei 9610 de 19/02/1998), sua reprodução total ou parcial é proibida nos termos da Lei.

Edson Martinho

Engenheiro Eletricista, é diretor-executivo da Abracopel (Associação Brasileira de Conscientização para os Perigos da Eletricidade). Professor, palestrante e articulista. Escreveu e publicou o livro "Distúrbios da Energia Elétrica" (Editora Érica, 2009)
Mais informações: edson@lambdaconsultoria.com.br